• pt
Lurdes Macedo Oradora
Tertúlias Académicas debatem “Afectos e resistências”
19/05/2017
João Ruas autor do livro
Da autoria de João Ruas: Lançado livro sobre “Como fazer propostas de investigação”
24/05/2017

Contabilidade e Auditoria: Comportamento antiético leva a condutas imorais e ao exercício deficiente da profissão

Mesa que presidiu a palestra sobre o Codigo de Ética dos Profisssionais de Contabilidade e Auditoria

Os estudantes de Contabilidade e Auditoria devem conhecer o código de ética que rege a profissão a fim de serem bem-sucedidos no mercado de trabalho, segundo defendeu o director executivo do Instituto de Directores de Moçambique (IODmz).

David Seie, que falava na quinta-feira, 18 de Maio, em Maputo, numa palestra subordinada ao tema “Código de Ética dos Profissionais de Contabilidade e Auditoria”, que teve lugar no Instituto Superior de Gestão, Administração e Educação (ISG), referiu que a ausência ou a não aplicação do código de ética, por parte dos profissionais de Contabilidade e Auditoria, pode comprometer a qualidade do seu trabalho e distorcer os resultados efetivos das operações empresarial.

“A ética é um elemento determinante na liderança e no sucesso de negócios. Onde reina cultura ética, há segurança do retorno ao investimento em benefício do investidor, de outros stakeholders e da economia nacional. O comportamento antiético é sobre a conduta imoral e contribui para governação danosa, para o exercício deficiente da profissão, e por conseguinte, para a perpetração de irregularidades e escândalos financeiros, comprometendo o alcance dos objetivos estratégicos do negócio, o crescimento económico do país e o bem-estar social.”, defendeu o director executivo do IODmz.

 

Com esta palestra, acrescentou David Seie, “pretendemos que os estudantes pautem por uma conduta e comportamento éticos. Eles devem ter a noção básica e o conhecimento do conceito central da ética, e como ela funciona na interacção humana e empresarial. Assim, eles poderão facilmente entender os princípios, os valores e padrões universais do código da ética para os profissionais de Contabilidade e Auditoria”.

Por seu turno, Joel das Neves, director-geral do ISG, explicou que a escolha deste tema surgiu da necessidade de se incutir nos estudantes a importância dos valores éticos e deontológicos no exercício de qualquer profissão.

“A área de contabilidade e auditoria exige uma maior observância e um compromisso sério com as questões éticas, deontológicas e de transparência. Por isso achámos importante e oportuno convidar o Instituto de Directores de Moçambique e a Ordem dos Contabilistas e Auditores de Moçambique para que os estudantes se familiarizem com o que o mercado espera deles”, explicou Joel das Neves.

Importa realçar que esta palestra foi organizada pelo Instituto Superior de Gestão, Administração e Educação em parceria com a Ordem dos Contabilistas e Auditores de Moçambique e o Instituto de Directores de Moçambique.

 

Mesa que presidiu a palestra sobre o Codigo de Ética dos Profisssionais de Contabilidade e Auditoria

Mesa que presidiu a palestra sobre o Código de Ética dos Profissionais de Contabilidade e Auditoria

 

David Seie Director Executivo do Instituto de Directores de Moçambique

David Seie Director Executivo do Instituto de Directores de Moçambique

 

Joel das Neves Director Geral do Instituto Superior de Gestão Administração e Educação

Joel das Neves Director Geral do Instituto Superior de Gestão Administração e Educação

 

Participantes

Participantes