• pt
Manuel Wetela Formador da JUE
Janela Única Electrónica atinge um milhão de declarações e colecta 106 mil milhões de Meticais para os cofres do Estado
16/12/2015
Show de lançamento do novo álbum da banda Ghorwane
Fãs acorreram ao lançamento de “Kukavata” dos Ghorwane
20/12/2015

Em 2015: Sector de Transportes e Comunicações regista avanços significativos

Ministro dos Transportes e Comunicações Carlos Mesquita

Ao longo de 2015, o Ministério dos Transportes e Comunicações registou avanços significativos, na implementação da Estratégia para o Desenvolvimento Integrado do Sistema de Transportes, através da execução de projectos com impacto imediato e outras de carácter estruturante, ainda em curso.

O Ministro dos Transportes e Comunicações, Carlos Mesquita, sustentou que, para responder com eficácia à crescente demanda da economia do País, o Governo focalizou as suas acções, neste sector, na construção, reabilitação e modernização das infra-estruturas ferro-portuárias e aeroportos, bem como na melhoria da capacidade e qualidade dos serviços de transportes e comunicações.

Para fazer face à problemática da fraca oferta do serviço de transporte urbano de passageiros, o Ministério dos Transportes e Comunicações reforçou a frota de autocarros para o sector público e privado, adquirindo 90 autocarros afectos a operadores públicos de todas as capitais provinciais, incluindo a Cidade de Nacala, em Nampula.

Neste contexto, o Executivo está em negociação com o sector privado para a implementação de um projecto de 200 autocarros, 100 dos quais já se encontram no País, podendo iniciar as operações, brevemente, segundo assegurou Carlos Mesquita. No sector ferro-portuário, conforme acrescentou o governante, particular destaque vai para a implementação do plano integrado de investimentos entre a MPDC – Companhia de Desenvolvimento do Porto de Maputo e a empresa CFM – Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique, que compreende investimentos para o aumento da capacidade do Porto de Maputo, reabilitação, modernização e expansão do sistema ferroviário da linha de Ressano Garcia, aumento das capacidades das linhas férreas de Sena e Machipanda, no centro do País, para além da ampliação da linha férrea de Nacala, construção do Porto de Nacala–a–velha e reabilitação do Porto Comercial de Nacala.

“No Porto da Beira, estão em perspectiva projectos como a construção da Nova Terminal de Carvão e de Minério de Ferro, avaliada em 450 milhões de dólares, construção de um cais multi-uso, avaliado em 199 milhões de dólares, reabilitação do cais de rebocadores, incluindo a aquisição de equipamento VTS para o serviço marítimo, avaliado em 6.5 milhões, entre outros aspectos”, referiu Carlos Mesquita. Por sua vez, os transportes aéreos foram marcados pela aquisição de uma aeronave Embraier 145, estando em processo de aquisição 3 novas aeronaves BOEING 737 – 800NG com 164 lugares, cujo período de recepção está previsto para 2016 e 2017, ao mesmo tempo que prossegue a implementação do programa de ampliação e modernização das infra – estruturas aeroportuárias, marca, em 2015, pela abertura à navegação do Aeroporto Internacional de Nacala, reabilitação da pista de aterragem do Aeroporto de Maputo, entre outras intervenções. Em relação à transição da Migração da Radiodifusão Analógica para Digital, o governante realçou a recente inauguração do primeiro emissor digital, de um total de 18 que compõem o projecto-piloto de Televisão Digital Terrestre. Ainda no mês de Dezembro, espera-se que seja igualmente concluída a instalação de emissores digitais nas cidades da Beira e Nampula.

O projecto-piloto de Televisão Digital Terrestre será concluído, na sua plenitude, no primeiro trimestre de 2016, com a instalação de emissores nas cidades de Xai-Xai, Inhambane, Chimoio, Tete, Quelimane, Pemba e Lichinga. No mesmo período serão também instalados emissores digitais nas vilas fronteiriças de Ponta de Ouro, Namaacha, Ressano Garcia, Vila Manica, Ulóngue, Zóbue, Milange e Mandimba.

 

Ministro dos Transportes e Comunicações Carlos Mesquita

Ministro dos Transportes e Comunicações Carlos Mesquita