• pt
Khaled Al Aboodi - Director Executivo do Conselho Islâmico para o Desenvolvimento do Sector Privado
Revelado no Fórum do Sector Privado com o BID: Autoridade Reguladora da Concorrência prestes a ser operacionalizada
09/06/2015
Visita da Associação Industrial Portuguesa ao Parque Industrial de Beleluane
Tendo CTA como interlocutora: Holandeses e portugueses na frente dos negócios
13/06/2015

Ensino superior à distância: mcel disponibiliza 2.500 cartões de dados pré-pagos

Acto de assinatura do memorando de entendimento entre o ISCED e a mcel

Um total de 2.500 estudantes do ensino superior à distância vão beneficiar de cartões de dados pré-pagos, com 500 megabytes cada, a serem disponibilizados pela mcel-Moçambique Celular, no âmbito do acordo celebrado, esta quinta-feira, em Maputo, com o ISCED-Instituto Superior de Ciências e Educação à Distância.

Para a materialização desta parceria, que visa facilitar o acesso ao conteúdo programático do instituto, assim como a realização de trabalhos investigativos, o ISCED prevê, até finais do próximo mês, disponibilizar, gratuitamente, “tablets” para os estudantes.
A propósito da iniciativa, o Administrador Comercial da mcel, Cláudio Chiche, referiu que quando “se trata do envolvimento em assuntos ligados à educação, a nossa operadora se sente mais valorizada, por estar a contribuir directamente na formação do Homem e, consequentemente, na construção de um futuro próspero para o País”.

Para a mcel, conforme sustentou Cláudio Chiche, associar-se a movimentos desta natureza “constitui um momento ímpar, uma acção e actividade igualmente ímpares: Creio que não se trata de um projecto muito popularizado, mas que pela natureza da proposta e a competência e vontade da equipa que está a implementar, vamos ter bons resultados”, indicou.
Por sua vez, Domingos Braz Chidassicua, Director Geral do Instituto Superior de Ciências e Educação à Distância, considerou que “o grande objectivo desta parceria vai para a implementação de metodologias inovadoras e proactivas, que possam conferir qualidade professional aos nossos formandos”.

“Estamos cientes dos desafios e da complexidade do processo de ensino e aprendizagem e em especial do ensino à distância, no nosso País, e é para melhor atender e responder às preocupações dos estudantes que celebramos este acordo com a mcel”, frisou.
Intervindo na ocasião, Sandra Brito, Directora Nacional do Ensino Superior e Técnico Profissional, no Ministério da Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e Técnico-Profissional, realçou que, “há 30 anos não se podia sonhar num projecto que permitisse estudar em casa ou outro lugar, com um acervo de três mil títulos: Este é o começo, mas acredito que não vamos ficar nos 2.500 estudantes, daí que dentro de alguns anos teremos que estender o tempo e o alcance desta parceria”, sublinhou.

 

Acto de assinatura do memorando de entendimento entre o ISCED e a mcel

Acto de assinatura do memorando de entendimento entre o ISCED e a mcel

 

Mesa que presidiu a cerimónia de assinatura do memorando de entendimento entre o ISCED e a mcel

Mesa que presidiu a cerimónia de assinatura do memorando de entendimento entre o ISCED e a mcel

 

Sandra Brito - Directora Nacional do Ensino Superior no Ministerio da Ciencia Tecnologia Ensino Superior e Tecnico Profissional

Sandra Brito – Directora Nacional do Ensino Superior no Ministerio da Ciencia Tecnologia Ensino Superior e Tecnico Profissional

 

Cláudio Chiche - Administrador Comercial da mcel

Cláudio Chiche – Administrador Comercial da mcel

 

Domingos Braz José Chidassicua - Director Geral do ISCED

Domingos Braz José Chidassicua – Director Geral do ISCED

 

Foto em família

Foto em família