• pt
Painel da Conferência A Ponte
Para que Moçambique deixe de ser um mero consumidor: Graça Machel insta jovens a “sujar as mãos”
01/09/2016
Assinatura de memorando entre a CTA e o Centro Nacional de Marketing e Estudo de Preço da Bielorrússia
CTA intensifica relações com congéneres estrangeiras
01/09/2016

Entregues à TVM dois veículos de transmissão televisiva

Acto de entrega da chave ao Ministro dos Transportes e Comunicaçoes

Dois veículos de transmissão televisiva e um conjunto de equipamentos modernos de produção e transmissão televisiva foram recebidos, quarta-feira, 31 de Agosto, em Maputo, pelo Ministro dos Transportes e Comunicações, Carlos Mesquita, entregues pela República Popular da China, para a televisão pública moçambicana.

Trata-se de um estúdio móvel de alta definição de imagem, composto por 10 canais de câmaras, equipamento para infografismo, duas unidades de replay e uma mesa de mistura de áudio com 98 vias, para além de um estúdio de informação equipado com duas câmaras, audio-digital e sistema de transmissão via satélite integrado.

O donativo chinês, que, segundo o ministro moçambicano dos Transportes e Comunicações, Carlos Mesquita, prova o excelente estado das relações bilaterais entre os governos da República Popular da China e Moçambique, inclui ainda um reboque com um grupo gerador de 70 KVAs, para alimentar o estúdio móvel.

Intervindo no acto, o governante descreveu o equipamento televisivo como sendo de última geração, do mais moderno fabrico e de padrões e qualidade internacional, “o que mostra a posição que Moçambique ocupa nas prioridades de cooperação com a China”.
“Este equipamento vai permitir à Televisão de Moçambique (TVM) fazer intervenções em directo, via satélite, a partir de qualquer canto da região, permitindo a transmissão de programas e acontecimentos em tempo real”, referiu o governante, realçando que o pacote de oferta chinês vai constituir uma mais-valia para o processo de Migração Digital em curso no País.

Por sua vez, Su Jian, embaixador da República Popular da China, em Moçambique, referiu que o sector da comunicação social, especialmente a área da televisão, constitui uma das prioridades da cooperação com Moçambique.

“Além dos equipamentos hoje entregues ao Governo de Moçambique, oferecemos, há meses, oito jogos de sistemas de transmissão de televisão 3D, perfazendo um investimento de cerca de 10 milhões de dólares norte-americanos”, destacou o diplomata chinês.
Esta acção, conforme sublinhou Su Jian, enquadra-se na parceria China-África, o que demonstra que o estatuto especial da cooperação entre a China e Moçambique constitui uma parceria estratégica global, que focaliza, para além das áreas de economia, finanças e industrialização, os sectores da cultura, educação e comunicação social.

Para o presidente do Conselho de Administração da TVM, Jaime Cuambe, os meios oferecidos pela China representam um grande apetrecho do parque tecnológico da TVM.

“Já há alguns meses, desde a sua chegada, no primeiro semestre do ano em curso, temos feito ensaios de transmissão, com quadros formados dentro do País e na China, sendo que as indicações que os novos equipamentos nos dão são de um substancial acréscimo de valor aos nossos produtos”, enfatizou Jaime Cuambe.

 

Acto de entrega da chave ao Ministro dos Transportes e Comunicaçoes

Acto de entrega da chave ao Ministro dos Transportes e Comunicações

 

Baptismo de um dos veículos oferecidos à TVM

Baptismo de um dos veículos oferecidos à TVM

 

Carlos Mesquita Ministro dos Transportes e Comunicaçoes

Carlos Mesquita Ministro dos Transportes e Comunicações

 

Jaime Cuambe PCA da TVM

Jaime Cuambe PCA da TVM

 

Su Jian Embaixador da República Popular da China

Su Jian Embaixador da República Popular da China