• pt
Corte do bolo alusivo às comemorações dos 130 anos da Cidade de Maputo
Standard Bank Acácia Jazz vai encerrar festividades dos 130 anos da cidade de Maputo
14/11/2017
IMG 33811
Reforço da frota e serviços do sistema de transporte público urbano: FTC investe 2.6 mil milhões de meticais
15/11/2017

INSS vai tornar a área do Seguro Social mais robusta

Mesa que presidiu o seminário

O Instituto Nacional de Segurança Social (INSS) pretende ajustar a área do Seguro Social às reformas introduzidas no âmbito do processo de informatização e modernização do sistema, bem como da aprovação do novo Regulamento da Segurança Social Obrigatória.

Para o efeito, técnicos dos Serviços Centrais e das delegações provinciais do INSS estão reunidos desde segunda-feira, 13 de Novembro, na cidade da Matola, província de Maputo, para discutirem diversas matérias ligadas à área do Seguro Social.

Durante o encontro, que termina no próximo dia 16 e que decorre sob o lema “Modernizar para Melhor Servir”, serão objecto de discussão temas como o módulo pagamento do SISSMO (Sistema de Informação da Segurança Social de Moçambique), a estrutura orgânica do Seguro Social vs Informatização, a problemática de restituição e reembolso de contribuições, o novo Regulamento da Segurança Social Obrigatória e a Convenção entre Moçambique e Portugal na área da Segurança Social.

Intervindo na cerimónia de abertura, o director-geral do INSS, Alfredo Mauaie, defendeu a necessidade de a instituição adoptar mecanismos que tornem a área do Seguro Social mais robusta e à altura dos desafios que se impõem ao sistema.

Nesse sentido, o director-geral do INSS espera que “as reflexões que sairão do encontro possam melhorar cada vez mais a actuação da área do Seguro Social, que é a razão de ser do Sistema de Segurança Social Obrigatória, devendo, por isso, estar preparada para se reinventar e adequar-se sempre que necessário”.
“É importante que o desempenho do Seguro Social acompanhe os últimos desenvolvimentos da área da Segurança Social, mormente o estágio avançado da implementação do SISSMO-Pagamento, aliada à entrada em vigor do novo Regulamento da Segurança Social Obrigatória”, acrescentou Alfredo Mauaie.
Importa referir que, no âmbito das reformas em curso, o INSS tem levado a cabo acções de capacitação de técnicos do sector em matérias específicas da área do Seguro Social com vista a responder aos desafios a médio e longo prazo.

As reformas, que incluem o processo de informatização e modernização, visam, igualmente, responder ao crescimento e extensão da cobertura do sistema que se registaram nos seus 28 anos de existência.

Durante este período, foram desenvolvidas acções tendentes à melhoria e a expansão do acesso à segurança social a mais cidadãos, tendo sido registados 89.718 contribuintes e 1.327.658 beneficiários, para além de 21.025 Trabalhadores por Conta Própria e 54.592 pensionistas.

 

Mesa que presidiu o seminário

Mesa que presidiu o seminário

 

Alfredo Mauaie director geral do INSS

Alfredo Mauaie director geral do INSS

 

Participantes do Seminário Nacional de Seguro Social

Participantes do Seminário Nacional de Seguro Social

 

Foto de família

Foto de família