• pt
Participantes no Workshop interactivo sobre a situaçao das mulheres no mercado de trabalho
Mulheres no mercado de trabalho galvaniza as atenções na Universidade Politécnica
26/05/2016
Entrega simbólica das bolas
mcel apoia “Bolas para os Distritos”
26/05/2016

Já vai na sua 6ª edição: Standard Bank Open com início a 28 de Maio

Mesa que presidiu a conferência de imprensa

Os “courts” do Jardim Tunduro, na capital do País, acolhem, entre os dias 28 de Maio e 19 de Junho, a 6ª edição do Standard Bank Open, que conta, pela segunda vez consecutiva, com três competições importantes, nomeadamente dois “Futures” em masculinos e ainda a competição na categoria de Seniores Femininos.
Os “Futures” têm a particularidade de pontuar para o “ranking” internacional (ATP Ranking) e inserem-se no Circuito Internacional de Ténis (“ITF Men’s Circuit”), para além de ser reconhecidos pela Federação Internacional de Ténis (ITF) e pela Associação dos Tenistas Profissionais (ATP).
Com trezentos atletas de 28 países inscritos, já estão qualificados para esta competição 18 atletas internacionais, sendo de destacar os tenistas Lloyd Harris, da África do Sul (303º no ranking da ATP), Roberto Marcora, da Itália (323º), Dimitar Kuzmanov, da Bulgária (326º), Pedro Sousa, de Portugal (355º) e Niels Desein, da Bélgica (357º).
Para a presente edição está prevista a participação de seis árbitros internacionais e graças à internacionalização do Standard Bank Open, pela primeira vez, um árbitro moçambicano, vai actuar, como juiz de linha, no Wimbledon Tennis 2016, a decorrer entre os dias 27 de Junho e 10 de Julho, em Londres.
Numa conferência de imprensa, ocorrida, quinta-feira, em Maputo, o administrador delegado do Standard Bank, Chuma Nwokocha, referiu que o maior ganho do banco foi fazer deste torneio uma plataforma de exposição de Moçambique no mundo, particularmente dos tenistas nacionais.
“Estamos a conquistar o que nos propusemos no início do projecto, pois um dos objectivos principais é ajudar a massificar o ténis no País, sendo que muitas famílias moçambicanas, sobretudo crianças que não tinham acesso aos courts, já estão a abraçar a modalidade”, frisou.
Por sua vez, Valige Tauabo, presidente da Federação Moçambicana de Ténis, disse que Moçambique entrou na internacionalização do ténis através do Standard Bank Open: “Estando o torneio no mapeamento internacional permite que muitas crianças pratiquem o ténis no País, razão pela qual, recentemente, atletas nacionais de sub-12, saídos do Standard Bank Open, atingiram um bom posicionamento no circuito da Federação Internacional de Ténis realizado, em Botswana”, realçou.
O Standard Bank Open vai arrancar com a realização de competições de massificação, em diversas categorias, envolvendo atletas nacionais, estando igualmente prevista uma formação de árbitros facilitada pela ITF, seguindo-se as provas de qualificação para os Futures.
Com o patrocínio do Standard Bank, o evento, que conta com o apoio institucional da Federação Moçambicana de Ténis, Clube de Ténis de Maputo e do Conselho Municipal de Maputo, tem por objectivo contribuir, de modo geral, para o crescimento e profissionalização do desporto moçambicano.
Importa destacar que, este ano, o troféu para as principais competições terá o formato da Timbila, concebido à base da madeira, como forma de consolidar a identidade da prova, através de um dos mais populares instrumentos musicais tradicionais do País, já considerado património da humanidade.
Esta é uma iniciativa enquadrada nas acções de apoio ao desporto nacional, no âmbito da responsabilidade social. O Standard Bank há muito que apoia o desenvolvimento do desporto nacional, sendo hoje uma presença incontornável na modalidade de futebol, onde, é o Banco Oficial do Moçambola, para além do voleibol e o xadrez.

Mesa que presidiu a conferência de imprensa

Mesa que presidiu a conferência de imprensa

 

Exibiçao do troféu com formato de timbila

Exibição do troféu com formato de timbila

 

Chuma Nwokocha Administrador Delegado do Standard Bank

Chuma Nwokocha Administrador Delegado do Standard Bank

 

 

Valige Tauabo Presidente da Federaçao Moçambicana de Ténis

Valige Tauabo Presidente da Federação Moçambicana de Ténis