Vitória Diogo Ministra do Trabalho Emprego e Segurança Social
Ministra do Trabalho escala a província de Tete
22/08/2017
Carlos Mondlane Presidente da AMJ
Juiz do Tribunal dos Direitos Humanos defende responsabilização criminal das pessoas colectivas
23/08/2017
Vitória Diogo Ministra do Trabalho Emprego e Segurança Social
Ministra do Trabalho escala a província de Tete
22/08/2017
Carlos Mondlane Presidente da AMJ
Juiz do Tribunal dos Direitos Humanos defende responsabilização criminal das pessoas colectivas
23/08/2017

“Moçambicanamaniamente” convida a uma reflexão sobre as raízes da identidade moçambicana

Capa do Livro

A Universidade Politécnica foi palco na terça-feira, 22 de Agosto, da apresentação da quinta obra literária do escritor, diplomata e professor universitário Florentino Kassotche, intitulada “Moçambicanamaniamente”.

 

Através da obra, composta por 39 crónicas e contos, o autor convida aos leitores a uma reflexão sobre as raízes da identidade moçambicana, com uma série de questionamentos sobre o passado, o presente e o futuro do País e da sociedade.

O título “Moçambicanamaniamente” é uma metáfora que Florentino escolheu para designar a mania moçambicana de mentir ou de pensar. “Mentimo-nos a nós mesmos e à sociedade quando, por exemplo, não aceitamos o nosso EU”.

“Temos que estudar as nossas tradições. Há Países que já estão a caminhar nesse sentido. E nós, de que estamos à espera? Não esperemos que alguém nos venha dizer. Temos de tomar a iniciativa. Temos a mania de seguir ou fazer o que os outros querem. Vendemos o nosso EU”, disse Florentino Kassotche, cujo livro levanta, também, questões pertinentes que remetem o leitor à introspecção num mundo globalizado.

Por seu turno, Lourenço do Rosário, reitor da Universidade Politécnica, realçou a ousadia e irreverência na escrita que caracteriza o autor de “Moçambicanamaniamente”. “É alguém que tem a virtude de escrever de uma forma que nos deixa sem saber para onde ele quer ir”.

Florentino Dick Kassotche, de seu nome completo, nasceu na província de Tete e estreou-se na literatura em 1996, com o livro “Confabulâncias e a Estória da Morte Anunciada”. Em 1999 publicou “A Globalização: os Receios dos Países em Vias de Desenvolvimento”, obra publicada em duas versões, inglês e espanhol.

Em 2005 publicou “Inventário Passional”, que foi traduzido para o espanhol, e publicado na Espanha em 2009. Em 2007 lançou ” Sem Ti”.

 

Capa do Livro

Capa do Livro

 

Florentino Kassotche Escritor e autor da Obra

Florentino Kassotche Escritor e autor da Obra

 

Lourenço do Rosário Reitor da Universidade Politécnica

Lourenço do Rosário Reitor da Universidade Politécnica

 

Sessão de autografos

Sessão de autógrafos

 

 Público presente 2

 Público presente