• pt
Mostra e venda do livro da Tatiana Napido Gonçalves 1
Alma Inquieta: novo livro da jovem escritora Muenda
18/08/2015
Lourenco do Rosario - Reitor da Politecnica
Lourenço do Rosário: “Instituições do ensino superior não devem aceitar passivamente transportar o estigma da falta de qualidade no processo de formação”
20/08/2015

Província do Maputo: Agostinho do Rosário vinca necessidade de se privilegiar parcerias com sector privado

Participantes no Lançamento do Plano Estratégico de Desenvolvimento da Província de Maputo

Foi lançado esta quarta-feira, 19 de Agosto, na cidade da Matola, o Plano Estratégico de Desenvolvimento da Província de Maputo, um instrumento que define os objectivos que o governo desta circunscrição pretende alcançar até 2024, para além de incluir um conjunto de acções a serem implementadas durante o período 2015-2024.
O instrumento, que é parte integrante do processo nacional de planificação, incorpora as acções a serem desenvolvidas pelo governo provincial, agentes económicos e sociais, parceiros internacionais e sociedade civil que visam promover o desenvolvimento económico e sociocultural.
A cerimónia de lançamento foi dirigida pelo Primeiro-Ministro, Carlos Agostinho do Rosário, que na sua intervenção realçou a necessidade de se privilegiar as parcerias para o sucesso da implementação deste instrumento.
“Estamos cientes de que o sucesso deste Plano Estratégico de Desenvolvimento da Província de Maputo depende do estabelecimento de parcerias mutuamente vantajosas entre o governo provincial, sector privado, sociedade civil e comunidades locais”, afirmou Carlos Agostinho do Rosário.
Para o Primeiro-Ministro, a província de Maputo é um destino preferencial de investimentos no País e na região dada às suas potencialidades, tais como a terra arável, as condições agroclimáticas, os recursos hídricos, marinhos e minerais, fauna e flora, rede de infra-estruturas públicas, estradas, linhas-férreas, energia, entre outras.
O sector privado, representado pelo presidente da Confederação das Associações Económicas de Moçambique (CTA), Rogério Manuel, espera que o instrumento contribua para o crescimento da economia e do empresariado da província e, consequentemente, para a geração de riqueza e prosperidade.
Nesse sentido, “a actuação da CTA será orientada pela busca de parcerias para potencializar as empresas privadas para aproveitar as oportunidades existentes como forma de aumentar a produção e a produtividade”, disse Rogério Manuel.
Entretanto, a CTA instou o governo da província de Maputo a “privilegiar a força empresarial local no fornecimento de bens e serviços” como forma de dinamizar as micro, pequenas e médias empresas.
Por seu turno o governador da província de Maputo, Raimundo Diomba, convidou os diversos intervenientes a identificar as melhores formas de tirar vantagens das janelas de oportunidades de negócios que se vislumbram com o lançamento deste instrumento.

 

Participantes no Lançamento do Plano Estratégico de Desenvolvimento da Província de Maputo

Participantes no Lançamento do Plano Estratégico de Desenvolvimento da Província de Maputo

 

Participantes no Lançamento do Plano Estratégico de Desenvolvimento da Província de Maputo 1

Participantes no Lançamento do Plano Estratégico de Desenvolvimento da Província de Maputo

 

Carlos Agostinho do Rosário Primeiro-Ministro

Carlos Agostinho do Rosário Primeiro-Ministro

 

Raimundo Diomba - Governador da Província de Maputo

Raimundo Diomba – Governador da Província de Maputo

 

Rogério Manuel - Presidente da CTA

Rogério Manuel – Presidente da CTA