• pt
Mesa que presidiu o encontro entre o Ministro dos Transportes e Comunicações e a CTA
Importação interdita de camiões com volante à esquerda: CTA faz ‘lobby’ junto do Ministro dos Transportes e Comunicações
24/06/2016
David Jorge Seie Director Executivo do Instituto de Directores de Moçambique
Corrupção em Moçambique: PME vêem corrupção como um meio de sobrevivência num ambiente regulador “pesado” e onde o cumprimento é difícil
28/06/2016

Relações económicas com a China: Moçambique ocupa lugar primordial

Participantes no Fórum de Promoção Cooperação Capacidade Produtiva e Investimento China Moçambique

Decorreu na última sexta-feira, 24 de Junho, na cidade de Maputo, o Seminário de Promoção de Cooperação de Capacidade Produtiva Anhui – Moçambique, um encontro que juntou empresários moçambicanos e um grupo de 89 empresários chineses que se encontra de visita ao nosso País encabeçado pelo vice-presidente da Assembleia Popular Provincial de Anhui.

Trata-se de um encontro entre homens de negócio dos dois países, que surge na esteira dos entendimentos recentemente alcançados aquando da visita realizada em Maio último pelo Presidente da República de Moçambique, Filipe Nyusi, à República Popular da China.

Discursando no evento em representação da Confederação das Associações Económicas de Moçambique – CTA, Rogério Samo Gudo, vice-presidente desta agremiação, contextualizou o seminário assumindo que se trata de um inequívoco reconhecimento do lugar primordial que Moçambique ocupa na agenda económica e política da China.

Conforme referiu, “este fórum que se dedica à promoção de cooperação de capacidade produtiva e de investimento Anhui – Moçambique reflecte, ainda, a vontade de ambos países de dinamizar e catapultar as relações comerciais e de investimento para níveis excelentes”.

Sobre a delegação empresarial chinesa composta por 89 homens de negócio da província de Anhui que se encontra de visita ao nosso País, Rogério Samo Gudo assegurou que “se desloca a Moçambique com o único propósito de buscar cooperação com os empresários moçambicanos, bem como estabelecer parcerias de negócio nas áreas de agricultura, educação, economia, comércio, indústria e ensino profissional”.

“Fazemos votos para que este fórum empresarial constitua um contributo muito oportuno e relevante para a expansão e fortificação das relações económicas entre os dois Países”, concluiu Rogério Samo Gudo durante a sua intervenção.

O embaixador da República Popular da China em Moçambique, Su Jian, assegurou por sua vez que a China está pronta para reforçar a cooperação da capacidade produtiva com Moçambique, tomando como prioridade a construção e o aperfeiçoamento das infra-estruturas, bem como a transferência de tecnologias, a formação de técnicos e operários moçambicanos.

Su Jian constatou que “é com muito agrado que, nos últimos anos, o investimento chinês em Moçambique conhece muito progresso, que se cifra em 5.46 biliões de dólares norte-americanos”.

Este investimento chinês em Moçambique, conforme referiu o diplomata, faz cobertura em vários sectores, com destaque para a agricultura, instalações de transporte, energia, indústria transformadora, projectos de construção civil, exploração de recursos naturais, pescas, instalações turísticas, materiais de construção civil, telecomunicação, televisão digital, montagem de veículos, comércio, entre outros.

O ministro da Indústria e Comércio, Ernesto Tonela, que também discursou no evento, sublinhou que Moçambique e a República da China têm uma longa e sólida relação de amizade, assumindo, no entanto, “que este fórum reflecte a vontade dos dois países em ampliar as suas relações para o domínio do investimento privado”.

 

Conforme manifestou Ernesto Tonela, “queremos que a cooperação com a China nos ajude a alcançar os objectivos do Governo no que diz respeito às acções de combate à pobreza, promoção do emprego e desenvolvimento industrial”.

 

Participantes no Fórum de Promoção Cooperação Capacidade Produtiva e Investimento China Moçambique

Participantes no Fórum de Promoção Cooperação Capacidade Produtiva e Investimento China Moçambique

 

Ernesto Tonela Ministro da Indústria e Comércio

Ernesto Tonela Ministro da Indústria e Comércio

 

Su Jian Embaixador da China em Moçambique

Su Jian Embaixador da China em Moçambique

 

Rogério Samo Gudo Vice Presidente da CTA

Rogério Samo Gudo Vice Presidente da CTA