• pt
Encontro CTA e Embaixador da República Popular China
CTA: China quer avançar com a industrialização em Moçambique
15/06/2016
Entrega do troféu ao tenista australiano Marc Polmans vencedor do 1º e 2º Future do Standard Bank Open pelo Administrador Delegado do Standard Bank
Final 2º Future Standard Bank Open: Tenista australiano faz a dobradinha
19/06/2016

Revista Charrua comemora 30 anos

Mesa que presidiu a cerimónia de lançamento da revista literária 0

Foi lançada na sexta-feira, 17 de Junho, a edição comemorativa dos 30 anos da Revista Literária Charrua, compilada pela Associação dos Escritores Moçambicanos – AEMO e editada pela Alcance Editores.

Esta obra, cujo lançamento teve lugar na sede da AEMO num evento presenciado por dezenas de pessoas, contou com o alto patrocínio da mcel. A colectânea contém oito edições da Revista Charrua, pensada e publicada por um grupo de escritores moçambicanos entre Junho de 1984 e Dezembro de 1986.
O director de Marketing e Vendas da mcel, Benjamim Fernandes, referiu que é um grande orgulho para esta operadora patrocinar o lançamento da edição comemorativa dos 30 anos da Revista Literária Charrua.

De acordo com Benjamim Fernandes, apoiar a AEMO na publicação desta obra é um marco muito importante para a mcel, na medida em que a aposta na cultura faz parte de um dos pilares da responsabilidade social corporativa da operadora de telefonia móvel.

“Então achámos que vale a pena apostar na cultura, pois ela valoriza o que é nosso, o que é de Moçambique”, sustentou.

Sobre a Revista Charrua, Benjamim Fernandes disse que “ela é uma fonte de muitos escritores de renome no período pós-independência. Há muitos artistas que começaram a escrever nesta revista e ganharam notoriedade graças aos trabalhos que foram realizando nesta publicação”.

Falando em representação da AEMO, Jorge de Oliveira definiu a Revista Charrua como o maior movimento literário em Moçambique pós-independência e um marco importante da literatura moçambicana.

Segundo Jorge de Oliveira, editor da obra, esta revista existiu “num momento em que ainda não se tinham definido as balizas e os pilares da nossa literatura, tendo aparecido a Revista Charrua, que com ela foi possível dar um empurrão, renovar, refazer e reinventar a literatura moçambicana. Foi um momento sublime, no qual a nossa literatura encontrou-se e reforçou-se”.

Jorge de Oliveira explicou, ainda, as razões que levaram a AEMO a lançar esta obra volvidos 30 anos da sua existência, referindo “que grande parte dos leitores da literatura moçambicana, sobretudo estudantes, não tinha acesso à revista pelo que, com esta nova edição, se torna possível disponibilizá-la a mais pessoas que queiram aprender, conhecer e divertir-se com a literatura moçambicana”.

A editora responsável pela obra, a Alcance Editores, representada por Sérgio Pereira, destacou a sua participação no lançamento desta colectânea que, a seu ver, revolucionou a literatura moçambicana na década 80.

Conforme referiu Sérgio Pereira, “nós decidimos participar neste projecto por causa da importância que nós sabemos que a Revista Charrua teve entre os anos de 1984 e 1986”.

A Revista Charrua foi responsável pelo surgimento de vários escritores, como são os casos de Ungulani Ba Ka Khosa, Tomás Vieira Mário, Marcelo Panguana, Nelson Saúte, Suleiman Cassamo, Hélder Muteia, Aldino Muianga, Filimone Meigos, Juvenal Bucuane, Pedro Chissano e outros.
Importa referir que esta edição comemorativa dos 30 anos da Revista Literária Charrua conta com uma tiragem de 2.000 exemplares.

 

Mesa que presidiu a cerimónia de lançamento da revista literária 0

Mesa que presidiu a cerimónia de lançamento da revista literária

 

Revista literária Charrua

Revista literária Charrua

 

Declamaçao de poema sobre a revista

Declamação de poema sobre a revista

 

Benjamim Fernandes Director de Marketing e Vendas da mcel

Benjamim Fernandes Director de Marketing e Vendas da mcel

 

 

Jorge de Oliveira Rep. da AEMO

Jorge de Oliveira Representante  da AEMO

 

Sérgio Pereira Rep. da Alcance Editores

Sérgio Pereira Representante da Alcance Editores