• pt
Clube de Desportos do Maxaquene e mcel reforçam parceria
29/07/2014
Acto de entrega dos premios 1
Torneio Pequenada: Standard Bank premeia vencedores
01/08/2014

Universidade Politécnica conquista medalha de prata nas Universíadas Africanas

A equipa feminina de basquetebol da Universidade Politécnica conquistou a medalha de prata nas Universíadas Africanas, que tiveram lugar em Nairóbi, capital do Quénia, classificando-se desta forma para as Universíadas Mundiais, a ter lugar na Coreia do Sul, em 2015.
No cômputo geral, a equipa d´A Politécnica ganhou dois jogos frente ao Quénia e perdeu três diante do Uganda, tendo, por isso, ocupado a segunda posição na classificação.

“Perdemos três jogos diante do Uganda. O primeiro foi por uma diferença de 26 pontos. Ao intervalo estavámos a perder por 29 a 6. Na segunda parte, recuperámos, mas já não havia muito a fazer. No dia seguinte, voltámos a jogar com o Uganda. Fizemos dois jogos no mesmo dia, com um intervalo de apenas duas horas. Primeiro jogámos com o Quénia e depois com o Uganda. Infelizmente, começaram os problemas físicos”, disse Hélio de Sousa, treinador da equipa.

Relativamente à participação nas Universíadas Mundiais da Coreia do Sul, no próximo ano, a equipa técnica diz que, para que a mesma tenha sucesso, a preparação estará mais virada para os aspectos técnicos e tácticos.

“Vamos melhorar os aspectos técnicos e tácticos, principalmente nos lançamentos de três pontos. Em média, só fizemos 9 pontos na zona de 3 pontos, o que é muito pouco para equipas com poucas jogadoras altas como a nossa. Na componente táctica, devemos consolidar as defesas à zona e mistas a todo o campo. Outro aspecto que pesou negativamente foi a falta de jogos”, realçou Hélio de Sousa, acrescentando que “teremos que encontrar formas de realizar no mínimo três jogos por semana. Sem isto, não teremos sucesso. Em termos de metas, queremos ocupar os seis primeiros lugares nas Universíadas Mundiais”.

Refira-se que com esta prestação, Moçambique posicionou-se em quinto lugar, seguindo o Egipto, Gana, Uganda e Quénia, que ocuparam o primeiro, segundo, terceiro e quarto lugar, respectivamente.