• pt
standard bank
Nos próximos três a cinco anos: Moçambique poderá dominar o mercado de energia eléctrica na região
21/05/2016
Troca de pastas entre o Admin. Delegado da mcel e o Bastonário da OMVM
Para facilitação de comunicações: Mcel estabelece acordos com a Ordem dos Médicos e Ordem dos Médicos Veterinários
21/05/2016

Vítimas da estiagem na Moamba: CTA alivia sofrimento das populaçõe

Entrega simbólica das cestas básicas ao Administrador do distrito da Moamba

A Confederação das Associações Económicas de Moçambique – CTA, representada pelo Conselho Empresarial Provincial de Maputo – CEP, procedeu à entrega, na última quinta-feira, 19 de Maio, de 350 cestas básicas à população afectada pela estiagem no distrito de Moamba, na província de Maputo.
Estes produtos alimentares beneficiaram a 350 famílias directamente assoladas pelos efeitos da seca no Posto Administrativo de Sabiè, por sinal o mais assolado pela falta de chuva no distrito da Moamba.
Falando em nome do CEP, o presidente desta agremiação, Cândido Bila, disse que esta iniciativa é uma demonstração do humanismo dos empresários e da CTA como instituição, no sentido de apoiar os que sofrem com as calamidades naturais no País.
Conforme referiu Cândido Bila, “viemos a Moamba trazer a contribuição dos empresários, sobretudo da Kawena, uma empresa de direito moçambicano que cuida dos trabalhadores moçambicanos na África do Sul, particularmente nas minas, que decidiu partilhar o pouco que tem com os nossos irmãos carenciados”.
No entanto, admitiu estar ciente de que estes produtos alimentares não serão suficientes para resolver todos os problemas daquele distrito, acreditando que servirão para minimizar o impacto da estiagem.
“Continuaremos a mobilizar mais empresários para esta iniciativa. Eventualmente, estaremos na próxima semana na província de Gaza para demonstrar o nosso humanismo como pessoas e como CTA, oferecendo o pouco que temos às populações de uma zona recôndita já identificada”, concluiu Cândido Bila.
Falando em nome dos beneficiários, o administrador do distrito de Moamba, João Raiva, disse, por sua vez, que as 350 cestas básicas recebidas das mãos de Cândido Bila são uma mais-valia para a população de Sabiè, apesar de também assumir que não serão suficientes.
“Estamos cientes de que vão, realmente, minimizar os efeitos das calamidades no seio das populações deste posto administrativo, por sinal o mais afectado pela seca em todo o distrito de Moamba”, referiu.
João Raiva agradeceu ainda à CTA e aos seus parceiros por este gesto solidário, acrescentando que “gostaríamos de ver mais empresários a seguirem por este caminho da solidariedade para com os seus irmãos moçambicanos, sobretudo do distrito da Moamba.
Ester Pedro Chiúre, residente no Posto Administrativo de Sabié agradeceu a oferta da cesta básica, não escondendo que a mesma poderá reduzir o efeito da fome na sua família.
“Com estes produtos, os meus filhos vão poder alimentar-se. Nunca imaginei que pudesse viver novamente esta situação provocada pela seca, mas agradeço bastante os nossos governantes, os nossos empresários e todos aqueles que nos ajudam a minimizar o seu impacto”, referiu Ester Pedro, que na ocasião pediu mais apoio para a população de Moamba.
Refira-se que este movimento solidário da CTA, levado a cabo pelo CEP de Maputo, iniciou a 19 de Março do ano em curso, com a entrega de 650 cestas básicas a igual número de famílias nos distrito da Manhiça e de Magude.

 

Entrega simbólica das cestas básicas ao Administrador do distrito da Moamba

Entrega simbólica das cestas básicas ao Administrador do distrito da Moamba

 

 

Beneficiários das cestas básicas no distrito da Moamba

Beneficiários das cestas básicas no distrito da Moamba

 

Cândido Bila Presidente do Conselho Empresarial da Província de Maputo

Cândido Bila Presidente do Conselho Empresarial da Província de Maputo

 

Joao Raiva Administrador do Distrito da Moamba

Joao Raiva Administrador do Distrito da Moamba

 

Ester Pedro Chiúre beneficiária

Ester Pedro Chiúre beneficiária